Motonline Homepage
Página Inicial do Fórum Página Inicial do Fórum > GARAGEM > PROBLEMAS, REPARAÇÕES E MANUTENÇÃO
  Tópicos Activos Tópicos Activos
  FAQ FAQ  Procurar o fórum   FAQ Chat (0)   Calendário   Registar Registar  Entrar Entrar

Falta de corrente nas velas

 Responder Responder Página  12>
Autor
Mensagem Inverter ordem
  Tópico Procurar Tópico Procurar  Opções do Tópico Opções do Tópico
Cash Drop-Down Menu
Verdadeiro Motard
Verdadeiro Motard
Avatar

Data de adesão: 18/Abril/2007
Estado: Offline
Mensagens: 4142
  Citação de  Cash Citação de   ResponderResposta Link directo para esta Mensagem Tópico: Falta de corrente nas velas
    Enviado: 07/Dezembro/2009 às 15:37
Não creio q nenhum desses dê... há mesmo um lub q se compra em casas de materiais eléctricos para isso. Eu admito q já usei wd40, mas para a parte de fora, à volta da ficha. isto aplicas mesmo nos conectores.

http://www.echeloninc.com/contactlubrication.htm
Voltar para topo
bisnagas2002 Drop-Down Menu
Maçarro
Maçarro
Avatar

Data de adesão: 24/Novembro/2009
País: Portugal
Estado: Offline
Mensagens: 17
  Citação de  bisnagas2002 Citação de   ResponderResposta Link directo para esta Mensagem Enviado: 07/Dezembro/2009 às 13:03
Olá Cash,

WD40 ou BALA ?! Ou outros?!

Bisnagas
Voltar para topo
Cash Drop-Down Menu
Verdadeiro Motard
Verdadeiro Motard
Avatar

Data de adesão: 18/Abril/2007
Estado: Offline
Mensagens: 4142
  Citação de  Cash Citação de   ResponderResposta Link directo para esta Mensagem Enviado: 07/Dezembro/2009 às 13:00
Compra lubrificante para contactos eléctricos então... protege da corrosão e n é caro.
Voltar para topo
bisnagas2002 Drop-Down Menu
Maçarro
Maçarro
Avatar

Data de adesão: 24/Novembro/2009
País: Portugal
Estado: Offline
Mensagens: 17
  Citação de  bisnagas2002 Citação de   ResponderResposta Link directo para esta Mensagem Enviado: 07/Dezembro/2009 às 09:59
Bom dia ZZRider, excelente explicação, obrigado!!!

Como já tinha mencionado, a minha ultima esperança antes de ir ao médico com a "burra" era um amigo meu que é electricista de profissão...

Quem sabe, sabe !!! Enquanto estavamos a abrir e a começar a beber umas "mines" explicava-lhe o que se tinha passado, eis que o Mestre começa a medir novamente todo o circuito e encontra uma ficha que tinha "VERDETE" em vários fios, onde passava corrente, mas não os 12V, o canhão da ignição também não deixava passar os 12V, ambos passavam cerca de 11V, o que fazia chegar corrente ao CDI, mas não o necessário para ele poder trabalhar, eis que depois de uma limpeza e lubrificação, a "FEIJOCA" acordou e começou logo a "Bufar"

Nem quis acreditar !!!

O pesadelo tinha acabado!!

Nunca me passou pela cabeça que poderia ser por uma diferença minima em Volts que a deixa-se sem funcionar, mas parece que é a pura verdade!! O Mestre aconselhou-me a fazer uma limpeza ao motor de arranque pois parece estar a puxar muito pela bateria, e não o deve fazer...

Meus Caros, daqui já estou safo!!

Obrigado a todos, fica aqui o registo de algumas experiências, e agora vou seguir com a 2ª parte, pois falta reparar a fuga na embraiagem e terminar a revisão (mudança de óleo + filtro) espero não haver mais surpresas e espero dentro em breve dar umas curvas com a menina!!!   

Um abraço a todos e saudações Motards !!
Voltar para topo
zzrider Drop-Down Menu
Maçarro
Maçarro
Avatar

Data de adesão: 01/Dezembro/2009
Estado: Offline
Mensagens: 11
  Citação de  zzrider Citação de   ResponderResposta Link directo para esta Mensagem Enviado: 06/Dezembro/2009 às 23:31

Olá Bisnagas
Não me parece que seja o CDI, pois é coincidência a mais estarem vários avariados.
A moto trabalhou, parou e não trabalhou mais, não se avariava o CDI.

A bateria descarregou na viagem? Pegou com a bateria antes desses 35 km?
 
Se tens corrente nas bobines como afirmas (como sabes?), tens que ter faísca nas velas! 
Antes de mais, e por experiência própria, devemos começar pelas coisas mais simples e por vezes básicas e por isso por vezes impensáveis

Posso então por-te as seguintes questões:

Será mesmo problema eléctrico?
Tens gasolina? Se foste comprar a moto, poderia não estar o depósito cheio, habitualmente quem vende a moto não vai encher o depósito. Se for este o caso, e se não puseste gasolina, não terás passado para a reserva e tens que rodar a torneira para a reserva (tens que dar ao starter 1 pouco para a gasolina voltar a encher os carburadores, fecha a borboleta com o manípulo do "CHOKE" no punho esquerdo - parece incrível mas já me sucedeu 1 vez, já depois de muitos anos a andar de moto, com a VFR, pensei que era do rectificador e vim de reboque desde Torres Vedras...? A torneira do depósito está aberta? e deixa passar gasolina? tens gasolina suficiente no depósito? Os carburadores estão limpos? Mas também não deve ser carburadores sujos porque não iam entupir todos ao mesmo tempo!

Se não for:
Quando testavas as velas, tens que apertar a zona da rosca (massa) contra um elemento metálico da mota, para teres continuidade no circuito, senão não se produz o arco eléctrico (faísca)

Se me permites ainda, transmito-te o que sei relativamente à ignição.
O conjunto de diodos do gerador são o que se designa por rectificador ou seja o dispositivo eléctrico que rectifica a corrente, ou seja que transforma a corrente alterna produzida pelo alternador (gerador, que me parece que na FJ se encontra num dos extremos da cambota, habitualmente o esquerdo, dentro do motor, saliência redonda) em contínua de 12V, tipo de corrente usado nos circuitos eléctricos da moto, em geral.
Também não é o facto de ligares o carregador directamente à bateria que vai avariar o CDI. Estou fartinho de fazer isso e nunca avariou nada. Os manuais dizem isso, penso que por causa das garantias, pois pode ocorrer um pico de tensão, mas com uma probabilidade próxima de zero, e avariar.
Já tenho alguma experiência em problemas eléctricos: 1º com a VFR em que avariava o rectificador/regulador de tensão e 2º com a ZZR. Relativamente à ZZR, como é um modelo americano tem sempre os faróis ligados, como algumas motos mais recentes. Por este facto e para não tirar muita corrente quando se quer pôr a mota a trabalhar existe um conjunto de solenóides (relays, interruptores electromagnéticos) que activam/desactivam circuitos de iluminação no instante em que se carrega no botão "START" para pôr a moto a trabalhar.
No teu caso, não sei se o modelo é europeu ou americano e se isso acontece. Num dos posts colocaste o esquema eléctrico do modelo americano. Não sei se no ano de fabrico da mota essa obrigatoriedade das luzes sempre acesas já se verificava nos EUA.
O caso de erraticamente teres faísca e de teres verificado as resistências significa que os dispositivos da ignição, funcionam e não estão avariados.

Precisas do gerador, e da bateria quando a rotação do motor é muito baixa ou seja quando a potência criada pelo gerador é baixa, para as velas faiscarem. Há modelos de estrada sem bateria (Honda XR600) e que trabalham! O que regula a tensão é o regulador, para que quando o motar vai a 10000rpm não tenhas 100V contínuo.

O movimento de rotação da cambota e consequentemente o do rotor da ignição dão o sinal para a ignição.

Uma vez que o motor de arranque roda não é dos relays (que funcionam como corta-corrente ao motor de arranque, através da verificação de continuidade dos circuitos controlados pelos interruptores do descanso lateral, conjunto ponto-morto/embraiagem, senão não rodava.


A sequência de ignição é:
Activas o botão de starter
A função da bateria no arranque é de dar corrente ao motor de arranque e simultaneamente também às bobines (ignition coils - atenção que a corrente que sai das bobines para os cachimbos das velas é alta-tensão).
O motor de arranque recebe corrente através da abertura do circuito do starter-relay (solenóide a que liga o cabo + da bateria e que no teu caso está bom, senão o motor de arranque não rodava)
Rodando o motor de arranque, como está solidário com o motor (à cambota) através de uma embraiagem acoplada a uma carreto que liga ao carreto do extremo do motor de arranque que entra dentro do motor, selado por 1 O-Ring, e como a cambota está ligada ao alternador, produz-se corrente eléctrica.
No extremo da cambota está montado o rotor, um disco metálico fino que está solidário com a cambota, que tem 2 saliências opostas, afastadas 180º. (o rotor pode ser ajustado na sua posição relativamente à cambota para alterar o avanço da ignição, ou seja a diferença em graus entre o momento da ignição e o ponto em que o pistão termina o ciclo de compressão)
De cada vez que a saliência passa pelo "Pulser Coil", este dispositivo envia 1 sinal eléctrico ao CDI (Ignitor Unit). O CDI envia um sinal a uma das 2 bobines, que transformam este sinal em alta-tensão de que resulta uma descarga, que é conduzida pelos cabos às 2 velas ligadas a essa bobine  e ao respectivo eléctrodo, no extremo interior da vela, produzindo-se um arco eléctrico (faísca) que incendeia a mistura comprimida, dando-se a explosão, a expansão de gases e consequentemente a rotação da cambota através da deslocação do pistão. Num dos cilindros há sempre uma faísca perdida, que não serve de nada porque se está no final do ciclo de escape e início do ciclo de admissão.

Parece básico, mas inclino-me para a questão da gasolina...

Espero poder ajudar, de alguma maneira
zzrider


 

Get your motor running...
cruise missile ZZR1100 D1 1993 , mosquito Aprilia RS250 2001 , tractor XR600 1991, caco VFR750 FH 1988, 1 ai q lhe deu Jawa 350 1980, relíquia Honda 50 C110 4T 1963
Voltar para topo
bisnagas2002 Drop-Down Menu
Maçarro
Maçarro
Avatar

Data de adesão: 24/Novembro/2009
País: Portugal
Estado: Offline
Mensagens: 17
  Citação de  bisnagas2002 Citação de   ResponderResposta Link directo para esta Mensagem Enviado: 02/Dezembro/2009 às 16:16
Agora que já sei colocar fotos, não quero outra coisa..... Cá vai uma imagem de uma mota igual à minha "burra" teimosa....

Voltar para topo
bisnagas2002 Drop-Down Menu
Maçarro
Maçarro
Avatar

Data de adesão: 24/Novembro/2009
País: Portugal
Estado: Offline
Mensagens: 17
  Citação de  bisnagas2002 Citação de   ResponderResposta Link directo para esta Mensagem Enviado: 02/Dezembro/2009 às 16:11
Olá Pessoal, desde já obrigado pelo vosso interesse e ajuda neste Tópico, aproveito para deixar aqui o esquema electrico da mota em questão, sempre dá para acompanharem o que disponho.
Cá vai...

Um abraço,

Voltar para topo
Cash Drop-Down Menu
Verdadeiro Motard
Verdadeiro Motard
Avatar

Data de adesão: 18/Abril/2007
Estado: Offline
Mensagens: 4142
  Citação de  Cash Citação de   ResponderResposta Link directo para esta Mensagem Enviado: 01/Dezembro/2009 às 20:27
Tens razão... o rectificador posia sim ter frito o CDI, era a isso q me referia. Mas admito q, a menos de fuga pra massa, n imagino o q seja.
Voltar para topo
bisnagas2002 Drop-Down Menu
Maçarro
Maçarro
Avatar

Data de adesão: 24/Novembro/2009
País: Portugal
Estado: Offline
Mensagens: 17
  Citação de  bisnagas2002 Citação de   ResponderResposta Link directo para esta Mensagem Enviado: 01/Dezembro/2009 às 19:07
Boas!

As novas velas são iguais às que trazia a mota e segundo o manual estão correctas, até têm resistência. Em relação aos cabos, as medições e a forma de as medir, segundo o manual, estão correctos e bons. Os cabos eram uma possibilidade, mas com o tempo sentia-se pequenas falhas, e na viagem de 35km, nada se passou. em relação às bobines, esta mota tem duas, ficarem as duas estragadas ao mesmo tempo, é como ter um candeeiro com duas lampadas e as mesmas se fundirem no mesmo dia e ao mesmo tempo, sei qe não é impossivel, mas tenho que admitir que é dificil.... um abraço
Voltar para topo
SV650_JQ Drop-Down Menu
Maçarro
Maçarro
Avatar

Data de adesão: 25/Fevereiro/2009
País: Portugal
Estado: Offline
Mensagens: 33
  Citação de  SV650_JQ Citação de   ResponderResposta Link directo para esta Mensagem Enviado: 01/Dezembro/2009 às 18:09
Boas companheiro,
só uma perguntinha: as velas são as indicadas para a mota? é que se os eletrodos tiverem mais afastados do que deviam não salta faisca... Em relação à resistência dos cabos deve ser muito próxima do zero já que estamos a falar de alguns cêntimetros de cobre...

"V"
Voltar para topo
bisnagas2002 Drop-Down Menu
Maçarro
Maçarro
Avatar

Data de adesão: 24/Novembro/2009
País: Portugal
Estado: Offline
Mensagens: 17
  Citação de  bisnagas2002 Citação de   ResponderResposta Link directo para esta Mensagem Enviado: 01/Dezembro/2009 às 09:18
Bom dia Cash, mas o rectificador não é a peça que faz com que não haja picos de corrente para circuito? Isto só acontece quando a mota está em andamento, para que a corrente não passe muito dos 12v a 14v, pois com a acelaração, quanto mais alta, mais corrente... Se for isso, que eu penso ser, não aconteceu... e ao carregar a bateria o que poderia ter ido à vida era um diodo que existe para proteger o alternador, mas ao medir a resistência, o alternador parece-me bom... FALTAM 5 DIAS para o meu amigo vir cá, é a minha última esperança antes de a levar ao "Médico"...
Voltar para topo
Cash Drop-Down Menu
Verdadeiro Motard
Verdadeiro Motard
Avatar

Data de adesão: 18/Abril/2007
Estado: Offline
Mensagens: 4142
  Citação de  Cash Citação de   ResponderResposta Link directo para esta Mensagem Enviado: 01/Dezembro/2009 às 00:42
No início, quase q me lembravas um colega q ia desmontando a mota pq tinha o corte-corrente do punho ligado e n conseguia arrancar a mota. PElo pouco q sei, é alternador -> rectificador -> bateria -> bobines -> velas, e o mais provável de ir à vida é o rectificador, q leva o cdi junto. Se o motor arrancasse, era fácil ver se era do rectificador. Assumindo velas novas e 3 cdi q lhe meteste, parece curto. Tou curioso agora...
Voltar para topo
bisnagas2002 Drop-Down Menu
Maçarro
Maçarro
Avatar

Data de adesão: 24/Novembro/2009
País: Portugal
Estado: Offline
Mensagens: 17
  Citação de  bisnagas2002 Citação de   ResponderResposta Link directo para esta Mensagem Enviado: 29/Novembro/2009 às 09:40
Oi Carlos, obrigado pela ajuda, mas eu tenho a manual onde consta o esquema electrico, eu já fiz os teste básicos (os trouble-shooting), mas já falei com um amigo meu que é electricista, portanto a avaria tens os dias contados.;) No próximo domingo espero resolver esta situação, assim que tiver noticias, digo!! um abraço. Bisnagas2002
Voltar para topo
CarlosXJR1200 Drop-Down Menu
Cinquenteiro
Cinquenteiro
Avatar

Data de adesão: 31/Janeiro/2009
Estado: Offline
Mensagens: 478
  Citação de  CarlosXJR1200 Citação de   ResponderResposta Link directo para esta Mensagem Enviado: 28/Novembro/2009 às 20:52
Oi amigo tenho uma XJR1200 e tenho o manual o motor é o mesmo se isso ajudar falamos ok. Abraços do Norte
Voltar para topo
Caroço Drop-Down Menu
Aspirante a Motard
Aspirante a Motard
Avatar

Data de adesão: 18/Junho/2007
Estado: Offline
Mensagens: 1891
  Citação de  Caroço Citação de   ResponderResposta Link directo para esta Mensagem Enviado: 26/Novembro/2009 às 17:58
isso de ser de garagem nao quer dizer que nao tenha humidade , bem como , testar a olho e ver se efectivamente nao dá corrente em todas as velas eu nao dispensava.
 
como te disse , esprimenta meter fios novos por fora no circuito alternador , bateria , cdi , distribuidor , velas
 
abraço
Voltar para topo
bisnagas2002 Drop-Down Menu
Maçarro
Maçarro
Avatar

Data de adesão: 24/Novembro/2009
País: Portugal
Estado: Offline
Mensagens: 17
  Citação de  bisnagas2002 Citação de   ResponderResposta Link directo para esta Mensagem Enviado: 26/Novembro/2009 às 17:33
Os Cabos e as bobines estão a 100%, medi-as e medem 33.000 omhs, que segundo o manual está dentro dos valores, até me recordo, 10.000 as bobines (cada uma, pois são duas) e 13.000 omhs cada cachimbo, os quais tirei e apertei, ficaram afinados, portanto daqui não é... borrachas em bom estado. a mota tem 22 anos, mas sempre foi de garagem. sorte a dela e a minha
Voltar para topo
Caroço Drop-Down Menu
Aspirante a Motard
Aspirante a Motard
Avatar

Data de adesão: 18/Junho/2007
Estado: Offline
Mensagens: 1891
  Citação de  Caroço Citação de   ResponderResposta Link directo para esta Mensagem Enviado: 26/Novembro/2009 às 17:16
tu testaste todas as velas e todos os cabos com respectivos cachimbos , é que esses cabos sao logo os primeiros a desconfiar , por causa do aquecimento a que estao sujeitos e como a borracha é mais dura ,tem mais tendencia a ressequir.
 
abraço
Voltar para topo
bisnagas2002 Drop-Down Menu
Maçarro
Maçarro
Avatar

Data de adesão: 24/Novembro/2009
País: Portugal
Estado: Offline
Mensagens: 17
  Citação de  bisnagas2002 Citação de   ResponderResposta Link directo para esta Mensagem Enviado: 26/Novembro/2009 às 15:48
Olá Caroço,

Obrigado pelas dicas !

Eu tenho o manual com todos os esquemas electricos, inclusivê fiz umas medições que estão de acordo com o manual. Contudo vou voltar a repetir o procedimento. Algo está a cortar apenas a faisca para as velas... Pelos sintomas e partindo do principio que está tudo Ok (medições), continua a minha dúvida, será que os sintomas da moto é o CDI que berrou? é fuga para a massa? é que o manual ajuda muito, mas não fala nestes sintomas.... que é o que me deixa maluco....
Voltar para topo
Caroço Drop-Down Menu
Aspirante a Motard
Aspirante a Motard
Avatar

Data de adesão: 18/Junho/2007
Estado: Offline
Mensagens: 1891
  Citação de  Caroço Citação de   ResponderResposta Link directo para esta Mensagem Enviado: 26/Novembro/2009 às 15:25
eu reitero o que disse.
 
no entanto , para confirmares se esta tudo ok , tenta arranjar o esquema electrico desse modelo , e começas numa ponta a verificar se esta tudo bem montado  e medir as voltagens\intensidade da corrente , que chegas ao sitio , verifica se os fios nao estao descarnados ou em curto em que encostem ao quadro , desliga tudo menos o circuito da corrente alternador\velas , poderá ser outra coisa em curto que origine esse problema , como a luz , piscas , stop , etc.
 
como a moto é antiga e esteve muito tempo parada , é normal que os cabor estejam ressequidos , se tiveres fio á mão , liga os componentes com fios novos ( para teste ) .
 
melhor é impossivel
 
abraço
Voltar para topo
bisnagas2002 Drop-Down Menu
Maçarro
Maçarro
Avatar

Data de adesão: 24/Novembro/2009
País: Portugal
Estado: Offline
Mensagens: 17
  Citação de  bisnagas2002 Citação de   ResponderResposta Link directo para esta Mensagem Enviado: 26/Novembro/2009 às 13:41
Eu queria evitar ir ao médico com ela...   é estranho ter velas só com pouca ou nenhuma corrente, mas esta situação tem de ter uma explicação lógica..... Como é que deixo de um momento para o outro de ficar sem velas? O carregamento da bateria teve influência?! Danificou alguma coisa ? foi o CDI? Em relação ao CDI, vou trocar por outro... assim reduzo as probalidades de ter passado pela mota 3 CDI avariados, isto é, 1 aceito, 2 desconfio, 3 CDI´s avariados é bruxedo....

NINGUEM NO FORUM TEM UMA FJ 1200 ?   (uma feijoca )
Voltar para topo
 Responder Responder Página  12>

Ir para Permissões do Fórum Drop-Down Menu



Página aberta em 0.297 segundos..